RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioStudio RHOs principais testes de recrutamento e seleção para sua empresa

Os principais testes de recrutamento e seleção para sua empresa

Muito mais do que analisar currículo e experiências, a contratação de pessoas para compor uma empresa deve passar por análises qualificativas. Para fazer uma boa escolha, pensar em testes avaliativos é sempre uma opção viável e comum no mercado, ainda mais em períodos como o atual, onde a maioria das seleções são feitas de forma virtual. Por isso, viemos hoje te apresentar os principais tipos de testes que são realizados pelas empresas e onde cada um deles se encaixa.


Por que realizar testes?

Mais do que um profissional formado e qualificado profissionalmente, é preciso avaliar suas competências e características, como trabalho em equipe e sua postura em determinadas situações. Um recrutador de qualidade deve estar atento para não cometer erros como confiar plenamente no que o candidato fala ou apresenta, pois falhas e defeitos costumam ser escondidos nestes momentos.

Outro motivo é a otimização de tempo e a proteção contra gastos indesejados. Pode acontecer de, em uma decisão precipitada, acabar contratando um profissional excelente mas ele não saber lidar com pressão. Se o setor for um local onde há rotinas apertadas ou demandas constantes, isso pode ser um problema. Nada melhor do que finalizar um processo seletivo pensando que o candidato escolhido foi feito para aquela vaga, e vice-versa, não é?!


Mas quais testes realizar?

São diversas categorias, utilizadas nos mais diversos segmentos. Apresentaremos as três principais para você, com exemplos:

  • Testes de conhecimentos técnicos e específicos

Os testes de conhecimentos técnicos e específicos são feitos de acordo com a vaga. Geralmente são compostos por questões de múltipla escolha ou discursivas, direcionadas para um conhecimento — redação publicitária, advocacia, matemática financeira, Excel, criação de artes digitais ou afins. Por exemplo, no caso das peças digitais, é possível solicitar ao candidato que faça uma determinada demanda simples, que não exija tempo demais, seja clara e aberta a oportunidades. Nada de passar pauta dos seus funcionários para os recrutados! Crie pautas diversas e deixe o candidato a vontade para soltar a criatividade, com o máximo de explicações possíveis.

Este tipo de material deixa explícito o que cada um dos concorrentes sabe — ou não. É rico pois não há enganos nem performances, fica claro, com o que é feito, as experiências e o nível criativo de quem resolveu.

  • Testes de perfil

Este é um dos mais importantes para a escolha de candidatos. Ele é o filtro inicial que mostra características e pensamentos dos concorrentes, podendo notar se são compatíveis com as culturas de cada setor e empresa. Dentro dessa categoria, o mercado conta com diversos tipos:

  1. Teste de QI: Popular dentro e fora do mercado de recursos humanos, ele é focado na avaliação de capacidades lógicas e racionais de cada indivíduo, mensurando os níveis de inteligência de cada um, individualmente. É válido para oportunidades que necessitem de resolução rápida de problemas, uso de inteligência lógica, matemática ou que precise de raciocínios complexos, não sendo muito útil para vagas criativas ou intuitivas.
  2. Palográfico: Funciona com esquema de linhas, onde o recrutador precisa ser um bom psicólogo ou ter ampla experiência, pois demanda conhecimentos na área para avaliar os traços que os candidatos fizeram. Características como o espaçamento, comprimento e espessura das linhas podem apresentar personalidades distintas.
  3. Atenção concentrada: utilizado em Centros de Formação de Condutores (os chamados CFCs), este teste é excelente para áreas que necessitam de foco, como redatores, jornalistas, atendentes, motoristas e programadores. Basicamente ele funciona com alguns formatos dados no topo da folha, sinalizados como a referência do teste, e o restante da folha com demais sinais, sendo necessário informar quais são semelhantes aos padrões apresentados no começo. Além de concentração, o teste aguça pontos como visão periférica, linearidade e agilidade.
  • Testes de conhecimentos gerais

Se a vaga necessita de conhecimentos como idiomas, matemática básica, escrita ou informática básica, testes simples podem ser aplicados aos candidatos. Durante a pandemia, muitos formulários online estão sendo criados pois facilitam a resolução, dando o resultado na hora e sendo mais práticos para correção. Provas simples, com poucas perguntas, sendo elas objetivas, podem suprir às necessidades do recrutador e ampliar a ideia dos conhecimentos.

 

No mais, o sentimento na hora do recrutamento e uma boa conversa com os participantes podem auxiliar. Se você tem dúvidas sobre este processo, entre em contato com o time da Studio RH. Eles estão dispostos a te atender e solucionar quaisquer questões.

Fonte: Gupy


Redação Grupo Studio