RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo Studio Franquias Studio FiscalLucro da C&A cai 20,9% no 3º trimestre

Lucro da C&A cai 20,9% no 3º trimestre

A C&A (CEAB3) teve queda de 20,9% no lucro líquido do terceiro trimestre ante o mesmo período do ano passado, de acordo com o relatório divulgado pela companhia ontem (12). O valor pró-forma atingiu R$ 25,4 milhões contra os R$ 32,1 milhões anteriores.

Por outro lado, na análise do acumulado do ano, o volume disparou de R$ 1,6 milhão para R$ 820,7 milhões. Segundo a empresa, o aumento ocorreu principalmente por conta do reconhecimento do crédito fiscal referente ao direito à exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS/COFINS.

A receita líquida total subiu 2,6% entre julho e setembro, permanecendo em R$ 1,2 bilhão. No acumulado, o valor totalizou R$ 3,5 bilhões, alta de 2,9% sobre os primeiros nove meses de 2018. Na avaliação da C&A, o aumento do ticket médio, o crescimento acelerado do e-commerce e a abertura de lojas foram responsáveis pelo crescimento dos volumes.

O Ebitda ajustado caiu 3,8% no trimestre, passando de R$ 121,3 milhões para R$ 116,7 milhões. A margem Ebitda ajustada encerrou o período em 9,3%.

Nos nove meses de 2019, o Ebitda ajustado fechou em R$ 288 milhões. A margem apresentou retração de 0,2 ponto percentual, atingindo 8,1%.

As Vendas Mesmas Lojas (SSS) caiu 4,6 pontos percentuais na base trimestral, fechando em 0,8%. De janeiro a setembro, o percentual foi de 2,1%.


Leia mais:

Assista também:


Redação Grupo Studio