RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioStudio EnergyAneel recebe sugestões para atualização das bandeiras tarifárias

Aneel recebe sugestões para atualização das bandeiras tarifárias

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) recebe até esta quarta-feira, 4, propostas da sociedade sobre a atualização anual dos valores das bandeiras tarifárias. As sugestões estão sendo recebidas desde 14 de abril por meio da Consulta Pública nº 012/2022. Os novos valores serão cobrados a partir do mês de junho.

As contribuições podem ser enviadas para o e-mail [email protected]. Os documentos relacionados à consulta estão disponíveis no site da agência.

A Aneel sugeriu para a bandeira amarela a cobrança de R$ 2,927 a cada 100 kWh consumidos. A bandeira vermelha 1 deve ficar em R$ 6,237 a cada 100 kWh; e a bandeira vermelha patamar 2 em R$ 9,33 a cada 100 kWh. Na bandeira verde, não há cobrança de taxa extra na conta de luz.

Bandeira verde no mês de maio

Na última sexta-feira, 29, a Aneel informou que a bandeira tarifária no mês de maio será verde para todos consumidores do Sistema Interligado Nacional, que abrange maior parte do país. Assim, não haverá cobrança extra na conta de luz.

Em vigor desde 2015, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O cálculo para acionamento das bandeiras tarifárias leva em conta, principalmente, dois fatores: o risco hidrológico (GSF, na sigla em inglês) e o preço da energia (PLD).

As bandeiras tarifárias funcionam da seguinte forma: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração, sendo a bandeira vermelha a que tem um custo maior e a verde, o menor.

Fonte: Agência Brasil.

Clique aqui e seja um franqueado de sucesso!

Conheça a Studio Energy:



Redação Grupo Studio