RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioStudio CorporateCaptação de recursos para expandir em território nacional

Captação de recursos para expandir em território nacional

Toda empresa em constante desenvolvimento estará frequentemente na busca por financiamento de longo prazo. São muitas as possibilidades, cujos prós e contras dependerão do momento financeiro do negócio e de quais são os seus objetivos.

Se o desejo da empresa é expandir as suas operações em território nacional, por exemplo, há possibilidades que podem ser exploradas para esse fim. O consultor Marcelo Viana, da T4 Consultoria, explica que esse objetivo deve ser parte da realidade da empresa:

“Se a organização está em equilíbrio financeiro, está constantemente inovando e se desenvolvendo no mercado, e realmente já estava no plano de negócios a expansão territorial, é importante agir estrategicamente na captação de recursos de longo prazo para esse fim”, acrescenta.

Há muitas maneiras de obter financiamento a fim da expansão da empresa: empréstimo, financiamento, recursos de fomento, recursos próprios, etc. Para saber qual o melhor caminho é preciso analisar muito bem quais são os prós e contras e se realmente o investimento vale a pena.

Sócio investidor

Uma das opções para conseguir recursos e expandir o negócio é incluir um ou mais sócios à empresa, que contribuirão para o seu crescimento. Viana explica que apesar de ser uma alternativa, é preciso ser bem analisada por parte da organização, afinal, esse sócio terá direitos e também poderá tomar decisões na empresa.

“Esse sócio investidor pode ser uma pessoa física, que também é conhecido como investidor-anjo ou pode ser representado por um fundo de venture capital”, explica.

BNDES

Uma das alternativas na captação de recursos para expandir é o BNDES, que oferece inúmeras linhas de crédito que podem ser utilizadas se a finalidade da empresa é a expansão em território nacional.

“Uma das alternativas é o BNDES Crédito Direto Médias Empresas, por exemplo, que oferece financiamento a partir de R$10 milhões, o que pode se encaixar em um projeto de expansão do negócio”, explica o consultor.

Essa linha específica de crédito tem tempo de carência de 12 a 60 meses e se utiliza de garantias reais como hipoteca, penhor, recebíveis, etc., ou, garantias pessoais como fiança ou aval. “Tempo de carência e garantias vão depender do acordo entre a empresa e a instituição”, acrescenta Viana.

DESENVOLVE SP

Em parceria com o BNDES Automático, o DESENVOLVE SP – O Banco do Empreendedor, também oferece linhas de financiamento de projetos de Investimento para a modernização do negócio, aumento da capacidade de produção, ampliação e expansão da empresa, etc.

Essa opção para a captação de recursos para expandir oferece prazo de 120 meses e carência de até 24 meses.

“Vale lembrar que essa é uma alternativa interessante no caso de pequenas e médias empresas que não dispõem de garantias reais suficientes. É fundamental que o empresário pesquise muito bem sobre as opções e o que mais tem a ver com as necessidades da empresa”, esclarece o consultor.

O que é preciso no momento da captação de recursos de longo prazo?

Viana esclarece que independentemente do objetivo do financiamento de longo prazo, é necessário que a empresa tenha um bom projeto de captação.

“Há muitos recursos e capital, mas faltam bons projetos. Há fundos internacionais aqui no Brasil, voltados para diferentes objetivos de uma empresa, como é o caso do private equity, venture capital e Pré-IPO. Mas o eles querem para investir são projetos relevantes e devidamente estruturados, que tenham planejamento e objetivo”, acrescenta.

Quando se recorre aos fundos de investimento, por exemplo, o intuito quando aprovam um projeto é que o investimento seja aplicado para a multiplicação da organização e não para pagamento de dívidas:

“O que é analisado é se o negócio possui um diagnóstico de sua realidade, se possui visão sobre as oportunidades para o seu segmento no mercado, se tem plano de ação e estratégias para a sua execução. Resumindo, no momento da captação de recursos para expandir ou para qualquer objetivo, fará toda a diferença se a empresa apresenta solidez”, conclui.


Leia mais:

Assista também:


Redação Grupo Studio