RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo Studio Franquias Studio BrokersGrupo Santander anuncia aquisição da plataforma de pagamentos Ebury

Grupo Santander anuncia aquisição da plataforma de pagamentos Ebury

O banco Santander anunciou nesta quarta-feira, 29, a conclusão da compra de 50,1% das ações da fintech britânica Ebury. A transação foi anunciada em novembro de 2019, mas só foi concluída agora, com as autorizações das autoridades regulatórias. A aquisição faz parte da estratégia digital da instituição financeira de oferecer às pequenas e médias empresas (PMEs) ferramentas para expansão internacional de seus negócios.

A Ebury, sediada no Reino Unido, opera em 17 países e presta serviço a 43.000 clientes. Desde 2017, a fintech cresce suas receitas em uma média de 50% ao ano. Ela oferece uma plataforma digital internacional de pagamentos, câmbio e gestão de fluxo de caixa para pequenas e médias empresas.

Com o apoio do Santander, a empresa espera ampliar seus negócios para outros mercados, como a América Latina e a Ásia. O banco investiu cerca de 400 milhões de euros na operação, dos quais cerca de 80 milhões foram utilizados para reforçar a estrutura da fintech e apoiar sua expansão internacional.

Atualmente, o Santander trabalha com 4 milhões de pequenas e médias empresas no mundo todo. Desse total, 200.000 têm operações internacionais e poderiam se juntar à base de clientes da Ebury. “O investimento na companhia é um marco significativo para o banco, permitindo-nos ampliar nosso potencial de atuação em um mercado vibrante e com grande horizonte de crescimento”, afirmou, em nota, Sérgio Rial, presidente do Santander Brasil e agora também presidente do Conselho da Ebury.

Os fundadores da fintech, Juan Lobato e Salvador Garcia, disseram que a empresa passou de uma pequena fintech para um negócio que emprega mais de mil profissionais em dez anos. “Agora, graças ao apoio do Santander, seremos capazes de expandir as atividades internacionalmente ainda mais e ingressar em novos mercados”.

A aquisição vai permitir ao banco expandir sua divisão de Global Trade Services, que ajuda pequenas e médias empresas a acessar mercados internacionais com o uso de serviços de trade finance, pagamentos a fornecedores, pagamentos em geral e câmbio.

O objetivo do Santander é expandir a plataforma, que fatura anualmente 200 milhões de dólares, e se tornar líder em negócios internacionais para PMEs na Europa e América Latina, além de iniciar operações em outros 20 novos mercados.

A instituição financeira afirmou que vai enviar um pedido ao Banco Central do Brasil para pedir autorização para o início das operações da Ebury no país.

Fonte: Exame

Assista ao nosso vídeo e saiba mais sobre Gestão de Crise:


Redação Grupo Studio