RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioNotíciasStartups de saúde receberam US$ 24 mi em aportes no mês de outubro

Startups de saúde receberam US$ 24 mi em aportes no mês de outubro

De acordo com um levantamento realizado pela empresa de inovação aberta Distrito, as startups da área de saúde, conhecidas como healthtechs, receberam um total de US$ 24 milhões em investimento no mês de outubro.

O número significa um crescimento de 235% no total de aportes em comparação com o mesmo período de 2019, quando foram investidos US$ 7,4 milhões.

Ainda segundo o levantamento, o Brasil conta atualmente com 577 healthtechs, quatro delas receberam investimento no mês de outubro.  Desde o início do ano, as startups totalizaram US$ 93 milhões em aportes, em 42 rodadas. É um salto de 49% em relação a todo o ano de 2019, mesmo a dois meses para o encerramento de 2020.

“Se por um lado a crise sanitária nos trouxe grandes incertezas e impactos negativos para os mais diversos setores, por outro, ela acelerou outros tantos. As inovações na área da saúde, sem dúvida, ganharam relevância e escala nos últimos meses e isto tem atraído a atenção dos investidores”, diz Tiago Ávila, diretor da divisão de dados da Distrito.

Um dos aportes de outubro na área da saúde foi o da startup Sami, que levantou R$ 86 milhões — com o novo cheque, a empresa lançou seu próprio plano de saúde.

As fusões e aquisições de healthtechs também cresceram em 2020: foram sete transações do tipo entre janeiro e outubro — em 2019, foram somente duas.

Fonte: MSN


Redação Grupo Studio