RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioNotíciasStartups continuam buscando por novos profissionais

Startups continuam buscando por novos profissionais

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) veiculou recentemente que a taxa de desemprego no país subiu 11% no trimestre fechado no mês de fevereiro. Se comparado com o período encerrado em novembro de 2019, o aumento foi de 479 mil. Com a pandemia do novo coronavírus e os impactos na economia, o Brasil conta hoje com cerca de 12 milhões de desempregados.

Mas esse cenário também possui um lado positivo. Um levantamento feito pela Revelo, empresa de tecnologia em Recursos Humanos, aponta aumento de 15% nas contratações de posições ligadas a operações e tecnologia. Além do mais, com o isolamento social decretado pela OMS, o e-commerce, principalmente na área de alimentos, sofreu um grande crescimento nas vendas e consequentemente, contratou novos profissionais.

Um bom exemplo disso é a Raízs. Uma plataforma que conecta consumidor interessado em alimentos orgânicos aos pequenos produtores de qualquer lugar do país. Desde o início da crise gerada pelo novo coronavírus, a startup duplicou o número de funcionários na parte operacional para comportar o número de pedidos que aumento cinco vezes.

A Via Varejo também está com muitas vagas para contratação imediata, especialmente na área de Tecnologia da Informação (TI). A empresa busca principalmente de profissionais desenvolvedores de softwares (front end e back end) e analistas de dados. Com outras vagas em aberto para diversas funções níveis de senioridade, a Via Varejo mantém ritmo acelerado no processo seletivo. Devido à quarentena, os processos seletivos estão sendo feitos de forma online.

A empresa carioca de desenvolvimento de plataforma de pagamento e gestão, M4U, também está com vagas abertas. São 37 oportunidades ao total. Com a pandemia foi preciso digitalizar as soluções de pagamento para os clientes, o que resultou em uma demanda de novos projetos. Como a startup trabalha de modo full remote, os interessados nas vagas não precisam residir no Rio de Janeiro.

A Vittude, startup de psicologia que oferta terapia online, contou com um crescimento de 318% no número de pacientes. Com isso, a empresa criou um plano trimestral totalmente sem custo para os profissionais, que poderão usar a plataforma, em vista que, WhatsApp, Skype e similares não contam com os requisitos de segurança da informação.

O objetivo é auxiliar os profissionais que de uma hora para outra, tiveram que passar a atender online. O resultado da iniciativa também é notado no site da empresa, que já está em mais de 50 países, com mais de 60 mil usuários e aproximadamente 4,5 mil psicólogos cadastrados.

Boas novas

As boas notícias não param por aí, outras empresas continuam com vagas anteriormente abertas mesmo em meio ao surto do novo coronavírus, através da execução de processos seletivos de forma remota. O escritório de contabilidade, Contabilizei, está com 28 vagas abertas em São Paulo e Curitiba. Como oferece todos os serviços online, a startup segue com os processos seletivos normalmente.

A empresa de soluções B2B para transformação digital de negócios, Locaweb, está com 42 vagas abertas. As oportunidades são desde as áreas comerciais até a programação de produtos. As entrevistas são feitas por Skype, Zoom e telefone.

A fintech Stark Bank e a Matera, focada no mercado financeiro, também estão em busca de novos profissionais. Na fintech, o processo seletivo e de integração, é realizado através do telefone e whatsapp. Já a Matera, está com mais de 200 vagas para Campinas, São Paulo, Maringá e Porto Alegre em diferentes ramos de atuação como finanças, marketing, TI e outros.


Redação Grupo Studio