RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioUniversidade StudioSaiba como adequar seu negócio à LGPD

Saiba como adequar seu negócio à LGPD

Com o mundo cada vez mais digital e movido a dados, é fundamental conhecer a Lei Geral de Proteção de Dados, também chamada de LGDP. Essa nova lei, é muito importante para que todo mundo porque ela ajuda a manter dados pessoais mais protegidos, além de trazer mais transparência no uso desses dados por empresas.

No Brasil, a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) é o órgão público encarregado pela aplicação da LGPD.

Como os negócios devem se adequar à LGPD:

Todo mundo gosta de ganhar desconto em uma loja, né? Mas às vezes é preciso fazer um cadastro, acessar uma rede social ou até mesmo participar de uma pesquisa para ganhar esse desconto. Só que ao coletar seus dados, essa empresa se torna responsável pela proteção deles.

Mesmo pequenas empresas ao se tornarem controladoras de dados, possuem um papel importante para garantir a proteção dos dados pessoais. Assim, existem algumas medidas práticas para se adequar a lei e criar um ambiente de segurança e proteção de dados no seu negócio.

Essas são algumas das atitudes que as empresas podem tomar para se adequar a LGPD:

  • apresentar com clareza a necessidade daqueles dados pessoais;
  • ter “Políticas de Privacidade” que sejam acessíveis e fáceis de entender;
  • sempre solicitar consentimento aos titulares para uso de dados;
  • informar quais dados estão sendo coletados;
  • garantir a segurança dos dados pessoais coletados;

Vale ressaltar que todas as empresas no Brasil estão sujeitas à LDPD. A lei também se aplica para negócios que oferecem serviços ou produtos a pessoas que residem no país e a empresas que fazem tratamento de dados de pessoas que estão no Brasil.

Fonte: CanalTech.

 


Redação Grupo Studio