RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudiowebinariosO empreendedorismo juvenil e o futuro das empresas brasileiras

O empreendedorismo juvenil e o futuro das empresas brasileiras

No dia 05 de outubro comemora-se o Dia do Empreendedor no Brasil. A data escolhida é uma homenagem à criação da Lei n° 9.841/99, que materializou o Estatuto da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte. 

Segundo informações da Receita Federal, o número de microempreendedores individuais no Brasil aumentou de 4,3 milhões no ano de 2014 para 7,3 milhões em 2018, representando um crescimento de 68%. Grande parcela desses microempreendedores é formada por jovens, que representam o futuro do empreendedorismo brasileiro. 

Diante de um cenário de incertezas, crises econômicas e desemprego, muitos jovens encontram no empreendedorismo a chance de construir uma carreira bem sucedida, exercendo as mais variadas atividades econômicas e montando seus próprios negócios. 

De acordo com dados da OIT – Organização Internacional do Trabalho, no mundo, um em cada cinco jovens, com idades entre 15 e 24 anos, encontram-se desempregados.

É fundamental o incentivo ao empreendedorismo juvenil, pois sabe-se que é por meio do mundo do empreendedorismo que se produz riquezas e que se faz um país prosperar economicamente. 

Para abrir um novo negócio no Brasil, é necessário passar por processos demasiadamente burocráticos e, por esta razão, é de extrema importância a informação e a orientação aos jovens, sobre como funciona a dinâmica do mercado empresarial brasileiro e quais são as leis aplicáveis em cada caso. 

Uma vez familiarizados com estas regras, os jovens irão sentir-se mais confiantes para abrirem uma empresa e mostrar suas ideias inovadoras ao mundo.

As ações de apoio voltadas ao empreendedorismo juvenil

Como um meio de fomentar o empreendedorismo juvenil, a criação de determinados órgãos e entidades mostra-se eficaz para o crescimento do número de jovens empreendedores no Brasil, devido ao apoio técnico e prático que é fornecido por estas instituições, auxiliando o jovem empreendedor na elaboração de seu plano de negócios. 

Dentre as ações realizadas, destacam-se as figuras do Sebrae, que promove cursos online, manuais de gestão e fornece meios de suporte aos empresários, e da CJEComitê dos Jovens Empreendedores, desenvolvido pela FIESP – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, que realiza ações voltadas para o incentivo do empreendedorismo juvenil.

A criação do Manual do Jovem Empreendedor

O Manual do Jovem Empreendedor, criado pelo CJE da FIESP, em um trabalho conjunto com o Sebrae-SP, FGV e Caixa Econômica Federal, busca ensinar, de forma didática, os principais fundamentos e as diretrizes básicas do empreendedorismo. 

O manual é um instrumento de integração e internalização no mundo do empreendedorismo, essencial para o desenvolvimento econômico de países emergentes, como é o caso do Brasil. 

Os ideais perseguidos pelos jovens, aliados à sede por conhecimento e novas experiências, é o combustível inicial para despertar o espírito empreendedor, que de forma criativa buscará solucionar problemas recorrentes da sociedade, com originalidade e autenticidade. 

O Manual do Jovem Empreendedor fornece ensinamentos cruciais sobre como abrir uma empresa, a elaboração de um plano de negócios bem estruturado, princípios basilares do empreendedorismo, e quais atitudes evitar no futuro, além de dicas dos maiores nomes do mercado brasileiro, sendo uma verdadeira fonte de inspiração e aprendizagem.

A importância  do empreendedorismo juvenil

A figura do jovem empreendedor possui papel especial na evolução econômica da sociedade. Devido ao seu maior conhecimento das novas tecnologias, o jovem possui potencial especial de revolucionar o mercado, apresentando soluções avançadas e contribuindo para a produção de riquezas. 

Além disso, o empreendedorismo exerce uma importante função social de criação de novos postos de trabalho, proporcionando novas oportunidades para muitos profissionais, de diferentes áreas. 

Segundo dados do Ministério do Trabalho, no período compreendido entre 1995 e 2000, as microempresas e empresas de pequeno porte contribuíram para a criação de 96% das novas vagas de emprego, refletindo a importância de se construir uma sociedade que valoriza o empreendedorismo e o empresário.

Assumindo os riscos da atividade econômica, o empreendedor busca, de maneira inteligente, trazer soluções simples e inovadoras para os problemas corriqueiros da sociedade. 

A essência da atividade empreendedora encontra-se na capacidade de enxergar as oportunidades e aproveitá-las, da melhor forma possível. Para os verdadeiros empreendedores, o retorno financeiro é consequência da dedicação e ambição, em tornar o mercado de trabalho mais receptivo, com melhores oportunidades. 

Qualidades que todo jovem empreendedor deve ter

Para que a atuação do jovem empreendedor no mercado seja de destaque, ele deverá possuir algumas qualidades, que são inerentes a todo bom empresário.

Dedicação

Bons profissionais e, consequentemente, bons empreendedores, são dedicados em manter o crescimento de seus próprios negócios. 

A dedicação é essencial para que os jovens empreendedores possam atingir seus objetivos profissionais, pois só quem é resiliente poderá alcançar altos patamares no mercado e construir uma imagem de valor, sendo conhecido pela qualidade e eficiência técnica.

Criatividade

Quem é criativo, e usa essa característica a seu favor, desenvolve ideias inovadoras, que possuem utilidade prática para a sociedade em geral. 

Os jovens, especialmente, contam com uma criatividade diferenciada que, aliada ao desejo de fazer do mundo um lugar melhor, permite a construção de projetos de empreendimentos totalmente modernos e revolucionários. 

Foco nos objetivos

Quando o jovem empreendedor desenvolve uma nova ideia de empreendimento, deve manter-se focado no objetivo principal. A capacidade de focar em uma meta específica determina o futuro e o sucesso de uma empresa no mercado, pois faz com que o empresário direcione todos os seus esforços para que o novo negócio prospere.

A Semana do Empreendedorismo

Com o objetivo de debater e destacar a importância da atividade empreendedora para a sociedade brasileira, o Grupo Studio está realizando um evento online, em homenagem ao Dia do Empreendedor. 

A Semana do Empreendedorismo contará com webinars diários, de temas diferenciados, com a presença de profissionais ilustres do ramo. Na data de hoje, 09 de outubro de 2019, será abordado o tema do empreendedorismo juvenil, em webinar que será transmitido às 11:30. Inscreva-se aqui e participe.


Leia mais:

Assista também:

 


Redação Grupo Studio