RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioNotíciasComércio é o setor mais empolgado com liberação do FGTS

Comércio é o setor mais empolgado com liberação do FGTS

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) mostra que empresários do comércio, principalmente dos setores de móveis, eletrodomésticos e supermercados, mostram empolgação com a liberação do FGTS e o pagamento do PIS/PASEP.

Segundo o estudo, 45,5% das empresas do comércio esperam aumentar as vendas, enquanto 12,6% do setor de serviços pensam o mesmo.

“Entre os empresários do setor de serviços o ânimo é menor, apesar dos segmentos de manutenção e reparação, turismo e serviços prestados às famílias terem se destacado. Mesmo com a decisão do governo de liberar um valor mais baixo do que o inicialmente era esperado (R$ 500 por conta no FGTS) , os consumidores poderão utilizar o recurso extra para consumir algo que não estava no planejamento ou para antecipar algum tipo de consumo, como uma viagem, alimentação fora de casa, etc”, analisa Rodolpho Tobler, um dos economistas que coordenou a pesquisa.

Consumidores vão usar dinheiro para pagar dívidas

Entre os consumidores, 52,3% dos que têm direito aos recursos pretendem sacar o dinheiro. Entre esses, mais de um terço usará o dinheiro extra para pagamento de dívidas (36,3%), enquanto um número menor irá usá-lo para consumo (32,3%) e aplicação em poupança (27,2%).


Leia mais:

Assista também:


Redação Grupo Studio