RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo Studio Franquias Studio FiscalIndicadores de produtividade: Por que são tão importantes no seu negócio?

Indicadores de produtividade: Por que são tão importantes no seu negócio?

Indicadores de produtividade: Por que são tão importantes no seu negócio?

Ter um bom desempenho e manter o nível de produtividade são elementos fundamentais para uma empresa. Como tudo evolui rapidamente, é muito importante que uma companhia saiba se aprimorar e fazer mais, em menos tempo, com custos menores, ganhando, assim, mais competitividade. Aliás, isso define justamente o que é produtividade, que por sua vez precisa ser mensurada com os indicadores de produtividade.

Vamos mostrar a você a importância de uma empresa utilizá-los e, em seguida, apresentaremos alguns dos principais que podem ser adotados em um negócio. Confira:

 

A importância dos indicadores de produtividade

Quando se implementam os indicadores de produtividade, tem-se o objetivo de fazer uma avaliação do rendimento e a eficiência dos processos nas organizações. Essencialmente, a utilidade deles é medir o contingente de recursos que as empresas usam para elaborar um determinado produto ou serviço.

Por meio de um controle concreto dos processos e com dados confiáveis e continuamente atualizados, os indicadores de produtividade viabilizam a identificação e correção preventiva dos possíveis problemas e anormalidades nas operações organizacionais, antevendo e evitando prejuízos para os clientes e para o próprio negócio.

A importância desses indicadores está calcada na avaliação e quantificação clara e precisa que eles proporcionam da relação de energia e recursos investidos e os produtos e serviços gerados.

O recomendado é sempre usá-los em conjunto com os indicadores de qualidade, construindo um ambiente mais propício para o crescimento e expansão da empresa e dos negócios.

 

Os principais indicadores de produtividade

Conheça alguns dos principais indicadores de produtividade que você pode utilizar em seu negócio:

Medida de eficiência

A eficiência é um aspecto que pode ser mensurado de modo diferente em todos os departamentos. Um exemplo bem prático: imagine uma indústria de manufatura. O gestor pode efetuar uma avaliação da eficiência da organização, por meio de uma análise da quantidade de unidades do produto confeccionadas a cada hora e a porcentagem de tempo na qual a indústria estava funcionando.

Lucratividade

Esse é um indicador bastante óbvio, mas, ainda assim, muito importante e que, sem sombra de dúvidas, deve ser utilizado. A lucratividade é relevante pelo fato de apresentar a eficiência operacional da companhia sob um formato numérico. É a evidência do quanto uma instituição pode obter a partir de um trabalho realizado e igualmente esclarecer se esse projeto vale ou não a pena.

Satisfação e retenção do cliente

Se você deixar um cliente satisfeito, ele se tornará fiel ao seu negócio — sempre contratando o seu serviço ou comprando o seu produto quando precisar. Para identificar o número exato, você pode utilizar diversos indicadores de desempenho, como os pontos de satisfação do cliente e a porcentagem da clientela que volta a comprar com a sua empresa.

Taxa de churn

Esse indicador indica a quantidade de clientes que acabam não repetindo uma compra ou deixam de adquirir produtos ou serviços por um certo tempo. Em outras palavras, é a porcentagem de clientes que a empresa “perde”.

Como você pode perceber, os indicadores de produtividade servem como uma das ferramentas que contribuirão para o crescimento de um negócio, afinal, não há como progredir sem medir os resultados de suas ações.

Quer se manter atualizado sobre dicas do mercado? Assine a nossa newsletter!


Redação Grupo Studio